31/07/14

Amantes, amigos e aliados

Bom dia meninas!

Desculpe o sumiço por aqui, estou na correria mas graças que a Ju tem me ajudado a manter esse cantinho.

Duas amigas minhas vão casar então estou me sentindo inspirada para trazer algumas dicas para vocês. Antes de falarmos da festa de casamento propriamente dita, hoje trago para vocês um texto do Ed. Rene Kivitz para entendermos o verdadeiro significado do Amor.

10421419_908947255799066_8206620672923241253_n

”Não é bom que o homem esteja só far-lhe-ei uma companheira que lhe seja suficiente.” (Gn 2.18)

Venho me perguntando o que faz as pessoas optarem pelo casamento se contam com outras alternativas para a vida a dois. A justificativa mais comum para o casamento é o amor. Mas devemos considerar que o amor é uma experiência cuja definição está em xeque não apenas pela quantidade enorme de casais que “já não se amam mais”, como também pelo número de pessoas que se amam, mas não conseguem viver juntas.

Talvez por estas duas razões — o amor eterno enquanto dura e o amor incompetente para a convivência — nossa sociedade providenciou uma alternativa para suprir a necessidade afetiva das pessoas: relacionamentos temporários em detrimento do modelo indissolúvel. Mas, mesmo assim, o número de pessoas que optam pelo casamento em sua forma tradicional, do tipo “até que a morte vos separe”, cresce a cada dia.

Acredito que existe uma peça do quebra-cabeça que pode dar sentido ao quadro. Trata-se da urgente necessidade de desmistificar este conceito de amor que serve de base para a vida a dois. Afinal de contas, o que é o amor conjugal? Para muitas pessoas, o amor conjugal é confundido com a paixão. Paixão é aquela sensação arrebatadora que nos faz girar por algum tempo ao redor de uma pessoa como se ela fosse o centro do universo e a única razão pela qual vale a pena viver. Esta paixão geralmente vem acompanhada de uma atração quase irresistível para o sexo, e não raras vezes se confunde com ela. Assim, palavras como amor, paixão e tesão acabam se fundindo e tornando-se quase sinônimas.

Este conceito de amor justifica afirmações do tipo: “sem amor nenhum casamento sobrevive”, “sem paixão, nenhum relacionamento vale a pena”, “é o sexo apaixonado que dá o tempero para o casamento”.

Minha impressão é que todas estas são premissas absolutamente irreais e falsas. Deus justificou a vida entre homem e mulher afirmando que não é bom estar só. Nesse sentido, casamento tem muito pouco a ver com paixão arrebatadora e sexo alucinante. Casamento tem a ver com parceria, amizade, companheirismo, e não com experiências de êxtase. Casamento tem a ver com um lugar para voltar ao final do dia, uma mesa posta para a comunhão, um ombro na tribulação, uma força no dia da adversidade, um encorajamento no caminho das dificuldades, um colo para descansar, um alguém com celebrar a vida, a alegria e as vitórias do dia-a-dia. Casamento tem a ver com a certeza da presença no dia do fracasso e a mão estendida na noite de fraqueza e necessidade. Casamento tem a ver com ânimo, esperança, estímulo, valorização, dedicação desinteressada, solidariedade, soma de forças para construir um futuro satisfatório. Casamento tem a ver com a certeza de que existe alguém com quem podemos contar apesar de tudo e todos. A certeza de que, na pior das hipóteses e quaisquer que sejam as peças que a vida possa nos pregar, sempre teremos alguém ao lado.

Nesse sentido, não é certo dizer que sem amor nenhum casamento sobrevive, mas sim que sem casamento nenhum amor sobrevive. Não é certo dizer que sem paixão, nenhum relacionamento vale a pena, mas sim que sem relacionamento nenhuma paixão vale a pena. Não é o sexo apaixonado que dá o tempero para a vida a dois, mas a vida a dois que dá o tempero para o sexo apaixonado. Uma coisa é transar com um corpo, outra é transar com uma pessoa. Quão mais valiosa a pessoa, mais prazeroso e intenso o sexo. Quão menos valorizada a pessoa, mais banal a transa.

Assim, creio que podemos resumir a vida a dois, entre homem e mulher, idealizada por Deus, em três palavras que descrevem um casal bem-sucedido:

Um casal bem-sucedido é um par de amantes.
Um casal bem-sucedido é um par de amigos.
Um casal bem-sucedido é um par de aliados.

São três letras A que fornecem a base de uma relação duradoura. Amante se escreve com A. Amigo se escreve com A. Aliado se escreve com A. E não creio ser mera coincidência o fato de que todas as três, amante, amigo e aliado, se escrevem com A… A de amor.

 

Uma linda quinta feira a todas!

comentários • 2
por em Inspirações Religiosidade |
30/07/14

Junior & Giovanna – 1 Ano de Amor!

Giovanna e Junior_ Foto Thais Lima (12)

Junior e Giovanna se conheceram, depois de uma troca de cidades e desencontros, pelo Facebook. Ela é de Recife e mora em Serra Talhada – PE há 6 anos e Ele é de Serra Talhada – PE e mora em Recife há 10 anos!! Ele foi encontrar a família na cidade que ela estava, e aí tudo começou a acontecer…
Dia 22 de Junho (2014) eles completaram 1 ano juntos, e para comemorar fizeram esse ensaio incrível. As fotos foram tiradas no Recife Antigo, praia de Olinda e no instituto Brennand e clicadas pela fotógrafa Thais Lima. Fica aí a dica para comemorar aniversários e datas especiais. Eu amo esses ensaios, ainda mais que eu e meu amor somos super ligados à fotografia, e para mim é uma forma e tanto de comemorar, são fotos e momentos que vocês vão lembrar sempre!!

Giovanna e Junior_ Foto Thais Lima (13) Giovanna e Junior_ Foto Thais Lima (15) Giovanna e Junior_ Foto Thais Lima (16) Giovanna e Junior_ Foto Thais Lima (20) Giovanna e Junior_ Foto Thais Lima (22) Giovanna e Junior_ Foto Thais Lima (24) Giovanna e Junior_ Foto Thais Lima (25) Giovanna e Junior_ Foto Thais Lima (27) Giovanna e Junior_ Foto Thais Lima (31) Giovanna e Junior_ Foto Thais Lima (32) Giovanna e Junior_ Foto Thais Lima (43) Giovanna e Junior_ Foto Thais Lima (49)

comentários • 2
por em Sem categoria |

Juliana Leite : Carioca, 20 anos, estudante de fisioterapia, criativa, blogueira do mundo beauty. Descobri o mundo das noivas e me tornei uma noivinha apaixonada pelos preparativos de noivados e casamentos, dos mais simples aos mais sofisticados.

22/07/14

O Que Servir em um Noivado ou Chá?

Hoje vamos falar de comida!!! Um assunto que eu AMO e que a gente sempre se preocupa em festas…
Ju, o que servir no meu noivado? É uma pergunta que sempre recebo desde que compartilhei dicas e vídeos do meu noivado, por isso, comecei a pensar em coisas que pudesse atender a todo tipo de festa pré casamento e festas de aniversário.
A intenção aqui é sair do cardápio comum, estrogonofe, salpicão, salgadinhos, que são ótimos também, mas para quem quer servir comidinhas diferentes e que tenham a cara do casal ou do aniversariante, dá uma olhada nessas sugestões. Se você quiser saber do cardápio do nosso noivado, assista aqui, como organizar um noivado 1 e 2.

NOIVANDO CASANDO AMANDO O QUE SERVIR EM FESTA DE NOIVADO CASAMENTO NOIVA COMIDA CHÁS LANCHES HAMBURGUER MINI SALGADOS PIZZAS RODIZIO CACHORRO QUENTE MINI SORVETE PICOLÉ CARRINHO DIVERTID

 

Lanches: Acho perfeito para chás e festas com os amigos, na parte da tarde, para criar um ambiente informal. Você pode fazer uma mesa e dispor todos os lanchinhos para que os convidados mesmo se sirvam. Vale pizza em rodízio ou mini pizza, cachorro quente, mini sanduíche, carrinho de sorvete, salgados foleados, cupcakes salgados, etc.


NOIVANDO CASANDO AMANDO O QUE SERVIR EM FESTA DE NOIVADO CHURRASCO MACARRONADA, MACARRÃO COM VÁRIOS MOLHOS JANTAR COMO ORGANIZAR UM NOIVADO JULIANA LEITE

Jantar: Perfeito para festas mais formais e à noite. Da mesma forma dá para fazer de modo self service e dispor tudo em uma mesa como na imagem, ou fazer pratos prontos para serem servidos. Como sugestão de cardápio, que tal um rodízio de churrasco? Ou escondidinho de carne seca e massas com vários molhos para o convidado escolher (molho branco, bolonhesa, queijo, camarão), já mostramos um chá lindo com este tipo de cardárpio, veja aqui.

NOIVANDO CASANDO AMANDO O QUE SERVIR EM FESTA DE NOIVADO FINGER FOOD OU PETISCOS COMO ORGANIZAR UM NOIVADO JULIANA LEITE

Finger Food: Essa opção vemos muito como entrada em casamentos, podem combinar com vários tipos de recheios e pastas, atum, camarão, cheiro verde, queijo ricota e até combinam com ingredientes doces como cereja, passas e frutas (abacaxi, maçã, morango, manga). Outro tipo de entrada como petiscos são torradinhas cobertas por pastas, combinados de queijo, tomate, azeitona ou outros ingredientes, e também empadas e biscoitinhos como os que servimos no noivado, mostrei para vocês lá no canal do youtube, dá uma olhada aqui, dá para você mesmo fazer, não tem como dar errado, é pratico e fácil!
Uma dica muito importante neste tópico é: Cuidado com as comidas “chiques” ou aquelas que ninguém conhece ou já comeu um dia, ou até mesmo com os “nomes chiques” para comidas nada sofisticadas. Não sei vocês, mas isso não me agrada nem um pouco, se você paga por uma festa, ou prepara uma festa é porque quer que seus convidados comam e celebrem um momento especial com você, mas o que acontece é que esses tipos de comidas desconhecidas são na maioria das vezes recusadas e os convidados podem sair da festa direto para um restaurante :(

NOIVANDO CASANDO AMANDO O QUE SERVIR EM FESTA DE NOIVADO SOPAS E CALDOS COMO ORGANIZAR UM NOIVADO JULIANA LEITE

 

Caldos e Sopas: Estamos enfrentando agora um friozinho tão gostoso, por que não servir caldos e sopas que aqueçam seus convidados? O inverno é a época perfeita para isso! Caldo verde, sopa de ervilha, caldo de espinafre e até mesmo feijão, eu amo quando vou à uma festa que tem feijão haha parece estranho né, mas está servindo muito por aí e os convidados costumam adorar!!

Espero que este post ajude você a decidir o cardápio da sua festa! Bons preparativos !!
Qualquer dúvida, me escrevam ! ;)

 

 

comentários • 5
por em Sem categoria | Tags: , , , ,

Juliana Leite : Carioca, 20 anos, estudante de fisioterapia, criativa, blogueira do mundo beauty. Descobri o mundo das noivas e me tornei uma noivinha apaixonada pelos preparativos de noivados e casamentos, dos mais simples aos mais sofisticados.

15/07/14

Wedding, Rústico, Vintage – Felipe & Thays!

_RRO0504

 

O Casamento de hoje é simplesmente para inspirar, completamente feito pelos noivos, família e padrinhos, repleto de uma simplicidade encantadora, mas vou deixar a Thays contar, vejam o que ela escreveu para vocês:

“Olá me chamo Thays e o meu esposo se chama Felipe, eu tenho 18 anos e ele tem 20 anos, somos de Brasília.
Nos conhecemos na escola em que estudávamos e tínhamos aula de educação física juntos, sem falar que a irmã dele era minha amiga, ou seja ela foi a nossa cúpida rsrs aos 15 anos de idade e ele 17 anos, começamos a namorar, e até hoje juntinhos. Vou começar a falar um pouquinho sobre o meu casamento, que foi tudo diy e muitos caixotes e garrafas de vidro, a decoração do meu casamento teve a participação de todo os nossos padrinhos e madrinhas. O meu marido conseguiu os caixotes em comércios, e umas das minhas madrinhas trouxe uma caixa cheia de garrafas de vidro. O Arco de flores quem fez foi o meu pai, e o meu sogro, as letras love e Deus foi feitas por mim e meu esposo, e com a participação da minha mãe e da minha querida cunhada que nos ajudou bastante em cada detalhe, pintei as garrafas de vidro com tinta branca. Deu trabalho, mas fazer cade detalhe do seu casamento é algo maravilhoso, e vê que cada cantinho tinha um pouquinho de amor, na hora que começou a cerimonia quem me levou até o meu pai foi o meu irmão, tem a fotinha dele, foi a parte que achei muito emocionante. Meu casamento saiu exatamente como eu e meu noivo planejávamos, algo diferente, meio rustico e meio vintage.”

_RRO0352 _RRO0396_RRO0606 _RRO0877 _RRO1022 _RRO1037 _RRO1081 _RRO1287 _RRO8987 _RRO9671 _RRO9862 _RRO9882 DSC01573 DSC01575 DSC01577 DSC01589 DSC01599 DSC01600 DSC01610 DSC01616 DSC01624 DSC01648 DSC01657 DSC01721 DSC01758 DSC01800-Editar DSC01920 _ROD0802 _RRO8178_ROD1169 _ROD1229 _RRO0050 _RRO0078 _RRO0245

 

 

Relação de fornecedores

Fotografia: Rodrigo Rodrigues 

comentários • 5
por em Sem categoria | Tags:

Juliana Leite : Carioca, 20 anos, estudante de fisioterapia, criativa, blogueira do mundo beauty. Descobri o mundo das noivas e me tornei uma noivinha apaixonada pelos preparativos de noivados e casamentos, dos mais simples aos mais sofisticados.

11/07/14

Wedding Trailer – Roberty & Renata

A Renata já nos deu várias inspirações por aqui, desde seu noivado (aqui) ela compartilha com a gente a trajetória do casório. Além do noivado, aqui no blog já publicamos o chá da Renatinha e também as lindas fotos de seu casamento com o Roberty, e não para por aí, pois hoje vamos mostrar o vídeo do casamento, super dinâmico e animado, e ainda temos o pré-wedding e uma surpresa linda que ela preparou para seu amado, que vocês verão em breve, estou ansiosa para compartilhar tudo com vocês, mas por enquanto, vamos curtir esses minutinhos e sonhar muito com o nosso grande dia!!

 

Highlight Renata e Roberty from Balthazar Produções on Vimeo.

 

noivando casando amando renata e roberty trajetória de casamento

Renata, mais uma vez, obrigada por nos ajudar a sonhar ainda mais, um amor tão lindo e estampado em todas as fotos e cenas do vídeo nos dão ânimo e ainda mais vontade de ver nosso dia chegar!! Mil beijos, ansiosa para mostrar todas as outras surpresas !! :D

comentários • 1
por em Video |

Juliana Leite : Carioca, 20 anos, estudante de fisioterapia, criativa, blogueira do mundo beauty. Descobri o mundo das noivas e me tornei uma noivinha apaixonada pelos preparativos de noivados e casamentos, dos mais simples aos mais sofisticados.